“Agora é oficial: Escola João XXIII em Barra de São Francisco recebe programa Escola Viva”

1117
Enivaldo: “É uma grande conquista para  Barra de São Francisco”.

Foi publicado no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira, 08/02/2018, Portaria que transforma a escola João XXIII em Escola em Tempo Integral (Escola Viva). “Assim como em nosso primeiro ano como prefeito municipal, em 1989, quando implantamos na Escola Municipal Erasmo Baga, trabalhamos, junto ao Governo do Estado para que Barra de São Francisco fosse contemplada com o Projeto Escola Viva.

“É uma grande conquista para o município de Barra de São Francisco, e sua juventude”, disse o deputado estadual Enivaldo dos Anjos.

Entenda como tudo começou e como vai funcionar:

Logo em seu primeiro ano como prefeito, em 1989, Enivaldo dos Anjos anunciou que implementaria o modelo de escola de tempo integral no município. E não demorou para que o projeto fosse implantado na Escola Municipal Erasmo Braga, causando grande impacto na vida das crianças e de suas famílias.

Agora, 30 anos depois, a pedido do deputado estadual Enivaldo dos Anjos, Barra de São Francisco ganha uma escola estadual em tempo integral.

“Eu sempre acreditei na proposta de escola de tempo integral, implantado no Brasil pelo ex-governador Brizola e seu mentor Darcy Ribeiro. Pedi ao Governo e agora a juventude de minha cidade é beneficiada pela Escola Viva no João XXIII”, disse Enivaldo dos Anjos, no primeiro dia de funcionamento da Escola Viva em Barra de São Francisco, a pedido do parlamentar, que representa o Noroeste do Estado na Assembleia Legislativa.

As aulas da Rede Estadual de Ensino começaram na segunda-feira (05/02/2018) e, na Escola João XXIII, de Barra de São Francisco, funcionará o modelo Escola Viva, com aulas em tempo integral. Segundo a diretora da Escola Viva de Barra de São Francisco, Márcia Vânia Lima de Souza, os professores são combustíveis para o sonho dos alunos.

“O modelo Escola Viva tem como foco principal o estudante e o seu projeto de vida – Trabalha com a finalidade de ter o jovem como solução e não como problema“, explicou a diretora.

A metodologia gira em torno dos princípios educativos: Protagonismo, quatro pilares (aprender a aprender, aprender a fazer, aprender a conviver, e aprender a ser), educação interdimensional, pedagogia da presença.

O foco é no projeto de vida do jovem, assegurando que a escola forme um jovem autônomo, solidário e competente, através da formação acadêmica de excelência, competências para o século XXI e formação para a vida, que são os eixos centrais do modelo.

As aulas de Estudo Orientado são o caminho para o autodidatismo: aprender a aprender (autodidatismo) – processo consciente e deliberado (o que, quando, porque), tempo e esforço – interpretar, assimilar, reter, expressar.

As aulas de Projeto de Vida visam orientar o estudante a priorizar ou direcionar seus sonhos, organizar a rotina, planejar, aprender, conhecer, executar. A escola provê condições de formação acadêmica de excelência associada a uma sólida formação de valores e a um conjunto de competências fundamentais para viver neste século XXI.

A proposta é desenvolver habilidades como autoconhecimento, autoconfiança, autodeterminação e autodisciplina, habilidades relativas a competências sociais– Capacidade de continuar a aprender, trabalhar, desenvolver identidade, potencialidades, incorporar valores, criar expectativas e responsabilidade pessoal.

“Como disse Antônio Carlos Gomes da Costa: O que o jovem será no futuro é fruto de 2 coisas fundamentais, as oportunidades que tiver e as escolhas que fizer”, destaca Márcia Vânia.

A Escola passa a se chamar CEEMTI JOÃO XXIII – Centro Estadual de Ensino Médio em Tempo Integral, vai funcionar das 7:30 às 17:00, de segunda à sexta-feira, mas na primeira semana terá horários especiais.

Está sendo reformada para se adequar ao projeto Escola Viva. Uma reforma iniciada há alguns anos e que deve ser finalizada até o meio deste ano. A entrada volta a ser como antigamente.

A rua que dá acesso à escola fica em frente ao portão principal do Estádio Municipal, no bairro Campo Novo. Alunos que utilizam o transporte escolar também terão horário especial essa semana.

 

 

 

 

COMPARTILHAR